quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Missão: Review - Angry Birds Epic



E a Rovio finalmente diversifica sua gama de produtos! Não que o Angry Birds normal seja ruim, muito menos suas variações, como o Rio e o Star Wars, mas, diversificar é sempre bom. Ainda mais porque atrai novos públicos, e nisso eu cito o Epic e o Bad Piggies, produtos no mesmo "universo" dos pássaros raivosos só que com dinâmicas de jogos completamente diferentes.

Ao jogar o Epic você se depara com a costumeira história dos porcos verdes fazendo "merdas" com os pássaros clássicos (não sei porque, mas sempre me lembro um pouco de Power Rangers ao ver o pássaro vermelho, ou seria Ranger Vermelho? rs ), e você tendo que ir atras de vingança e resolução dos problemas.

Porém em um universo diferente. Um mapa que lembra o Super Mario World, uma dinâmica de jogo em batalha que se aproxima do clássicos RPG's de turno ( cito aqui as milhares de horas jogando DBZ e Cavaleiros do Zodíaco nessas versões rs), porém com a adição de uma dinâmica de itens que remete aos RPG's clássicos on-line ( tipo Diablo, Ragnarok e etc).

Além da dinâmica de itens, o sistema de "classes" de personagens, muito fala com os RPG's on-line, por temos de maneira bem definida as mesmas classes que observamos nesses jogos. O vermelho como o paladino "tanker", o amarelo como o mago, a branca como a druida, o preto como "starter" e os Azuis como os "rougue's". Todos possuem ataques normais, habilidades derivadas de itens e "ultimates", algo em que não pude deixar de enxergar a referência aos MOBA's, principalmente ao amado DOTA.

Toda essa "salada" de referências está disponível "de graça", uma vez que o jogo se baseia em uma plataforma "Freemium", mais, ao menos, um freemium real, aonde você pode ou não gastar dinheiro no jogo para se desenvolver, a utilização do dinheiro só afetara a velocidade com que você desbloqueia as conquistas e obtêm melhorias. A participação dos amigos, com o auxílio em itens e desbloqueios ocorre também, ao melhor estilo Candy Crush e afins.

Recomendo o teste, vale a pena ao menos como exercício de diversidade, para fugir um pouco do modelo padrão de jogos de celular.

Play Store
Itunes Store






0 comentários:

Postar um comentário

Arquivo Confidencial

Parceiros